Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘crise’

Slide1

Mais duas companhias aéreas entrarão no mercado brasileiro de transporte de passageiros.

Confira aqui a notícia sobre a chegada da Sol Linhas Aéreas, de Cascavel (PR), e da Noar – Nordeste Aviação Regional.

É claro que este “Crisis? What Crisis?” diz muito mais ao Brasil e ao grupo BRIC do que a todo o planeta. Isso porque, no mesmo assunto aviação, as coisas não andam nada bem no exterior, especialmente na Europa.

Dados da International Air Transport Association (IATA) revelam que 29 companhias já fecharam as portas em 2009. A última delas foi a eslovaca Sky Europe, que esta semana encerrou suas atividades do nada e deixou muitos passageiros na mão em plena sala de embarque.

Mesmo a TAP, uma das principais conexões entre os países do mundo lusófono, acaba de anunciar a redução de vôos para o Brasil – pelo menos, neste caso, com o objetivo anunciado de ampliar as rotas entre Ibéria e África.

Alisson Avila

Read Full Post »

Fomos atraídos para o workshop da Wunderman pelo tema: “AAAGH! A deep recession changes everything” (e também, é claro, pelo brinde que prometiam: o livro da foto abaixo).

wunderman (mais…)

Read Full Post »

queda

Um dos assuntos do dia nos Estados Unidos é a divulgação dos dados Nielsen sobre o investimento em mídia naquele mercado no primeiro trimestre de 2009: menos 12% em relação ao mesmo período (janeiro – março) de 2008. Mesmo assim, movimentando respeitáveis US$ 27,9 bilhões.

Tomando apenas a compra de espaço em meios de comunicação como referência (talvez em uma tentativa de não reconhecer o poder de resultado e consolidação de marca que agências de comunicação integrada, como a Aktuell, podem gerar para clientes no mundo todo fora da mídia de massa), o estudo aponta o recorde de queda para os encartes – suplementos dominicais de jornais locais (- 37,7%), seguido por revistas business to business (- 29,9%) e ainda os jornais de circulação nacional (- 27,7%).

Todo mundo sabe que nenhuma mídia acaba em detrimento da outra. Mas é inegável que a mídia impressa segue, firme e forte, como a mais volátil em termos de redimensionamento do seu papel e função na sociedade (e nos mercados), nesta era da informação digital, quando comparada a qualquer outra. Este é um negócio que terá vida longa, desde que em nichos (aguarde posts sobre a Shoes-Up e a incrível TAR).

(mais…)

Read Full Post »